Aviso de risco: a negociação de produtos financeiros na margem tem um nível elevado de risco e não está adequado para todos os investidores. As perdas podem exceder o investimento inicial. Certifique-se de que compreende totalmente os
riscos, tem cuidado a gerir o seu risco.

Opere Forex

Acesse o maior mercado do mundo e opere mais de 60 pares de moedas

Trading de Forex Online Tudo o Que
Precisa de Saber para Começar a Operar FX

Está prcurando aprender o básico, talvez até ter uma compreensão detalhada do Trading de Forex? Então está no lugar certo!

Neste guia, iremos abordar todos os fatores importantes que você precisa de saber antes de começar a negociar com Forex (FX), de forma a compreender como entrar no mercado com segurança e com uma estratégia eficaz.

Em primeiro lugar, iremos explicar o que é o Trading de Forex e como funciona. Iremos analisar a terminologia básica para que se familiarize com as palavras e frases utilizadas quando você opera pares de divisas. Seguindo a terminologia básica, também iremos analisar os cálculos que irá utilizar no seu dia-a-dia como trader de forex.

O objetivo deste guia é te dar todas as ferramentas para aprofundar os seus conhecimentos e compreender as particularidades do trading de FX, antes de se iniciar nos mercados globais. Se já teve alguma experiência anterior no trading de Forex, poderá avançar diretamente para os capítulos que mais lhe interessam. Clique nos títulos abaixo e será redirecionado para a informação que lhe é mais relevante.

Moedas

Instrumento Spread mínimo Spread típico Posição longa Posição curta
AUDUSD 0 0.1 -2.05 -1.27
EURGBP 0 0.4 -3.25 0.42
EURJPY 0 0.5 -3.25 0.1
EURUSD 0 0.1 -3.92 0.37
GBPAUD 0 2.5 -1 -2.1
GBPJPY 0 1 -1.5 -3.37
GBPUSD 0 0.3 -3.64 -3.04
USDCAD 0 0.2 -2.62 -2.345
USDCHF 0 0.4 0.7 -4.63
USDJPY 0 0.1 -1.22 -3.23
Para obter uma lista completa dos nossos pares de moedas e os seus respetivos spreads, clique em aqui.

O Que é o Trading de Forex e Como Funciona

O Mercado de câmbio, ou Forex, é um mercado onde você pode trocar uma divisa por outra. Com um volume de transações diário de $6,6 trilhões de dólares, o mercado de forex é muito vasto! Ele deixa para trás a Bolsa de Valores de Nova Iorque (NYSE) que, por comparação, tem um volume de transações de apenas $22,4 bilhões por dia.

A enorme dimensão do Mercado de Forex atrai um grande número de participantes, incluindo Bancos Centrais, Gestores de Investimento, Hedge Funds, Empresas, Corretores e Traders Particulares – com 90% desses participantes no mercado a serem especuladores de câmbio!

Então, o que acontece realmente no mercado de forex para que seja tão atrativo para os investidores em todo o mundo? Bem, pense que você gostaria de trocar uma moeda por outra. Na realidade, você está vendendo uma moeda e a comprando outra, ou seja, você está trocando uma moeda pela outra. Note que as divisas sempre cotam em pares (Euro vs. Dólar, Libra Esterlina vs. Iene, etc.)

Agora, a taxa de câmbio entre essas duas divisas é o mais importante quando se realiza o trading de forex. A taxa de cambio flutua constantemente e são essas oscilações que permitem aos especuladores de mercado lucrar com o trading ou potencialmente perder o seu investimento. Estas flutuações são condicionadas pela oferta e demanda de cada moeda!

Também é importante salientar que, enquanto opera, milhões de outros traders também estão operando no mercado de forex.

Por isso, quando você “vende” uma divisa, existe um comprador para essa divisa em algum outro lugar. Quanto mais pessoas estiverem a negociando, mais dinheiro existe no mercado - a isso chama-se “liquidez”. Como referimos anteriormente, o mercado de forex é enorme, com milhões de traders em todo o mundo. Por isso, a liquidez no mercado de forex é tão alta!

What is Forex?

O Que é O Trading De Forex E Como Funciona
Existem cerca de 13,9 milhões de traders em todo o mundo que compram e vendem divisas, ao mesmo tempo. E é por isso que a liquidez do mercado de forex é tão elevada.

Estes níveis elevados de liquidez significam que os traders podem entrar e sair de uma negociação, uma vez que, normalmente, haverá um comprador para a moeda que você está vendendo ou um vendedor para a moeda que está comprando!

Os níveis de liquidez elevados também têm outras implicações. Se os níveis de liquidez forem elevados, então existem inúmeros participantes no mercado, pelo que os custos de trading, como os spreads, poderão ser mais baixos. Também significa que é muito menos suscetível a manipulações de mercado! Se alguém abrir uma transação de enormes dimensões num mercado com baixo nível de liquidez, isso terá um enorme impacto no preço. Isso não acontece no forex devido ao enorme volume que é negociado!

Agora, o mercado de forex, uma vez que engloba todas as moedas do mundo, está, na verdade, aberto 24 horas por dia, de Segunda-feira a Sexta-Feira. O trading realizado nestas moedas é o que chamamos mercado de balcão, ou OTC de forma abreviada. Isto significa que não existe uma troca física, como no caso das ações. Na verdade, é uma rede global, onde existe uma rede de instituições financeiras e de bancos que fiscalizam o mercado em vez de uma bolsa centralizadas, como a Bolsa de Valores de Nova Iorque (NYSE).

Enquanto individuo, você será classificado como “trader particular”. No entanto, a maioria das transações de forex é realizada por “traders institucionais”, como bancos, fundos e grandes empresas. Estes participantes não vão, necessariamente, comprar e vender, de fato, as divisas, mas sim especular sobre o movimento do preço ou fazer a cobertura (hedge) face a próximas alterações da taxa de câmbio.

Vejamos um exemplo

Forex
Um trader particular venderia o EURUSD se acreditasse que o preço do USD iria apreciar frente ao EURO.
Forex
No entanto, uma empresa americana poderia utilizar o mercado de forex para se proteger de uma queda do EURO, ou seja, caso o valor do seu rendimento diminua, ainda assim teria um lucro com a depreciação do USD.

Mercados de Câmbio e Pares Cambiais

No mercado de forex as divisas são cotadas em pares. Então, vamos analisar o EURUSD e vejamos o que é exatamente um par cambial.

A primeira coisa a saber é que os pares cambiais são expressos em termos da “Moeda Base” e da “Contra Moeda ou Moeda Cotada”. A moeda base é sempre expressa em primeiro lugar e a contra moeda em segundo lugar – assim, no nosso exemplo, o EUR é a moeda base e o USD é a contra moeda.

Quando estiver pronto para começar (o que iremos abordar mais à frente), ao se familiarizar com a plataforma e quiser abrir a sua primeira negociação, irá ver dois preços cotados para o EURUSD; o preço de Venda ou “Bid” e o preço de Compra ou “Ask”, conforme ilustrado abaixo. É importante lembrar-se, sempre, que quando clica em comprar ou vender, está a comprar ou a vender a primeira moeda do par.
Mercados De Câmbio E Pares Cambiais

PERGUNTA

Provavelmente já reparou que existe uma diferença entre o preço “bid” e o “ask”. A diferença é aquilo a que chamamos “spread” e expressa-se em pips. No exemplo acima, o preço bid é 1,12005 e o preço ask é 1,12023.
Então, qual seria o spread?
0.18 pips
> 1.8 pips <
18 pips
Não tem a certeza? Não se preocupe! Consulte o capítulo Spreads e Margem para saber mais.

Agora que já lhe explicámos brevemente o que é o Trading de Forex e o que são Pares Cambiais, analisemos alguns dos termos mais comuns que irá encontrar na negociação de forex.
  • Pips & Pipettes
  • Bid e Ask
  • Spread
  • Alavancagem
  • Margem

O Que é o Pip?

Se vai entrar no mundo do trading de forex online, terá que estar muito familiarizado com o termo “Pip”.

Sendo um acrónimo de “preço em ponto” ou “percentagem em ponto”, um pip é o quarto ponto decimal utilizado no preço. É equivalente a 1% de um ponto base. Uma vez que a maioria dos preços dos pares cambiais tem 4 casas decimais, é o movimento de preço mais pequeno que uma taxa de cambio pode registar (0,0001).

Agora, é muito importante conhecer este termo no trading de divisas, uma vez que o spread (que iremos analisar mais à frente) é cotado em pips. Analisaremos o spread um pouco mais à frente!

Para esclarecer, vejamos um exemplo:

Forex
Gostaria de negociar o EURUSD. O preço do EURUSD é de 1,1060. Mesmo antes de entrar nesta transação, vê que o preço muda para 1,1059. Isto significa que o preço caiu um pip, ou seja, 0,0001.

É importante lembrar que embora a maioria das moedas seja cotada com 4 casas decimais, alguns pares cambiais, como o caso do iene japonês, na verdade, é cotado com duas casas decimais.

O que é um Pipette?

Agora que já está familiarizado com o pip, também é importante saber que a plataforma de trading MT4 apresenta os preços para além das 4 ou 2 casas decimais standard.

Um pipette é um pip fracionado e poderá ter até 5 ou 3 casas decimais. De fato, é 1/10º de um pip. Veja a imagem abaixo para compreender melhor como deverão ser lidos os pips:
O Que é Um Pipette?

Compreendeu o que é pip e pipette?

Compreendeu o que é pip e pipette? Excelente! Agora, vamos analisar o valor do pip! O valor de cada moeda flutua pelo que, para que possamos negociar, temos que ser capazes de calcular o valor de um pip do instrumento que pretendemos negociar. Isto pode ser feito em duas passos simples!

Passo 1

Divida 1 Pip (0,0001) pelo preço atual de mercado do par que escolheu.

Passo 2

Multiplique esse número pela dimensão do seu lote.

Vejamos um exemplo

Forex
O preço do par EURUSD está nos 1,5510 e a dimensão do seu lote é um mini lote, ou 10.000. O valor do pip é: (0,0001/1,5510) X 10.000 = 0,6447

Neste exemplo, se o mercado se movimentar um pip, irá ganhar ou perder 0,6447 EUR.
É importante salientar que o valor do pip é definido pela moeda de cotação. No nosso exemplo anterior, é o EUR. No entanto, quando a moeda de cotação é o USD, o valor de um pip é sempre o mesmo! Isto significa que se a dimensão do lote for 100.000, um pip será igual a $1.

Na verdade, o seu broker irá calcular o valor de um pip, por si, mas um trader de forex tem que saber isto!

O que é o preço Bid e Ask?

Conforme já referimos, se você vai operar forex tem que compreender de que forma é que as moedas são cotadas. Sabemos que as moedas são negociadas em pares; com o valor de uma moeda a apreciar ou a depreciar (de valor) face a outra moeda.

Agora, quando compramos ou vendemos um par cambial, na verdade está, em simultâneo, a comprar uma moeda e a vender a outra. Assim, o preço “Bid” é, na realidade, o preço a que vai vender um par cambial. Assim, é o preço de compra da moeda base face à contra moeda!

O que é um Spread?

Outro termo comum no mundo do trading de forex é o spread. É um conceito fundamental que terá que compreender para poder calcular os custos implicados no trading de forex online!

Assim, spread significa exatamente a diferença entre dois preços. É o diferencial entre o preço bid e o ask do par cambial que escolheu.
O Que é Um Spread?
Como já sabe, o preço “bid” é o preço a que vende a moeda base e o preço “ask” é o preço a que compra a moeda base! Agora, o spread é um custo em que incorre por colocar uma negociação e que pode ser afetado por múltiplos fatores, incluindo:
  • O instrumento que está a negociar.
  • A volatilidade no mercado
  • O corretor com que está a negociar
  • The broker you’re trading with.
É importante salientar que um bom corretor terá um spread mais baixo, de forma a garantir que não fica excluído do trading. Embora estes spreads tendam a alargar, nas fases em que a volatilidade do mercado é mais elevada, um corretor, como a Tickmill, irá sempre oferecer-lhe os spreads mais baixos que existem para que possa negociar com eficácia.

Quando um spread regista um alargamento, isso significa que existe uma diferença maior entre os dois preços, o que é um bom indicador da volatilidade do mercado. Teoricamente, isto significa que existirá um spread mais pequeno quando o mercado tem maior liquidez.

O que é a Alavancagem e a Margem?

Quando estiver mais familiarizado com termos como pips e spreads, também irá encontrar termos como alavancagem e margem com maior frequência. São dois termos que andam sempre juntos.

Basicamente, alavancagem implica tomar fundos emprestados do seu corretor que lhe permitem controlar mais fundos quando está a negociar. O que é efetuado através da utilização de uma conta margem e é, em parte, responsável pelo aumento de popularidade do trading de forex. Na verdade, permite que os traders particulares controlem muito mais dinheiro do que investem na realidade.

Vejamos um exemplo, em mais detalhe

Forex
Decidiu negociar com uma alavancagem de 1:100.
Depositou $1.000 na sua conta com o Broker.

Mas, na verdade, pode controlar um montante de $100.000 no trading!
Isto significa que quando negoceia, o lucro que tiver numa negociação é amplificado, uma vez que está a utilizar mais dinheiro na negociação, dinheiro esse que tomou emprestado do seu corretor. A esta altura, tem que estar totalmente ciente que o trading com alavancagem, ou alavancado, é um “pau de dois bicos”. Se, por um lado, os seus lucros são amplificados, por outro, as suas perdas também são amplificadas.

Agora, para poder aceder a este tipo de alavancagem, o seu corretor terá que ter alguma segurança que lhe permita fazê-lo. É aqui que entra a margem! Pense na sua margem como um depósito que faz junto do seu corretor para abrir e manter uma negociação. De facto, o corretor irá manter uma parte do seu saldo para cobrir a potencial perda do seu negócio.

O “requisito de margem” que o seu corretor requere é, normalmente, expressa como uma percentagem da sua transação e cada negociação que abrir terá uma. Lembre-se que o seu requisito de margem irá variar de acordo com o ativo em que negoceia e do corretor com que trabalha.

Moedas Negociadas:
O Trading de Divisas é o Mesmo que o Trading de Forex?

Como tem vindo a aprende sobre o trading de forex, provavelmente já se cruzou com o termo trading de divisas. Mas, o trading de divisas é o mesmo que trading de forex?

Resumidamente, é exatamente a mesma coisa!

Este termo só não utiliza a abreviação “Forex” para “mercado cambial”, mas define-a pelo próprio trading de divisas.

Para negociar divisas, o que está a fazer é negociar moedas individuais em pares, que é a essência do trading de forex. De facto, do trading de divisas infere-se que está a negociar o valor de uma moeda face a outra. Por exemplo, se está a negociar o EURUSD, está realmente a especular sobre a alteração de valor do EURO face ao USD.

Como Operar Moedas em Forex

Tudo se resume ao valor!

O valor de cada moeda depende da sua oferta e procura que é o que determina a “taxa de cambio” entre as duas moedas. Em si mesma, a taxa de cambio é basicamente a diferença entre o valor de uma moeda face a outra. E é esta taxa de cambio que determina quanto de uma moeda recebe em troca de outra, e.g. quantas Libras recebe pelos seus Euros.

A esta altura, é importante lembrar que a taxa de cambio está, permanentemente, flutuando.

Agora, os investidores envolvidos no trading de divisas analisam diversos fatores que poderão afetar o valor de cada moeda e especulam como esses fatores irão afetar o valor dessas moedas. Se um trader acreditar que o valor da moeda irá subir, então compra essa moeda. De forma inversa, se acreditar que o valor de uma moeda irá descer, então irá vendê-la.

Agora, quando está a negociar em forex, estará a negociar pares cambiais. Assim, estão envolvidas duas moedas e irá especular sobre o valor de uma em relação à outra.

Por exemplo, um investidor poderá acreditar que o valor do Euro irá depreciar face ao valor da Libra Esterlina, devido a uma divulgação de dados iminente. Então, o investidor iria vender o Euro, por acreditar que o seu valor iria descer, e comprar a Libra Esterlina, em simultâneo, acreditando que o seu valor iria subir. Se o investidor estiver certo, então ele, ou ela, irão ter lucro!

Parece bastante simples, certo? Bem, tenha em atenção que para poder especular com eficácia terá que ter um bom conhecimento do mercado e saber como analisar o movimento do mercado.

O Que Você Precisa de Saber para Começar a Operar em Forex

Antes de começar a negociar em forex, existem alguns coisas que tem que ter prontas antes de começar.
Uma boa conexão à Internet
Uma das primeiras que precisa é de uma ligação estável à internet, uma vez que o trading de forex é feito online. O fator mais importante é que a sua ligação seja estável e rapidamente acessível. Isto é especialmente importante para a monitorização das suas negociações e para aceder à sua conta caso preciso de efetuar alterações ou capturar uma oportunidade.

Um Broker de Forex
De seguida, precisa de um Corretor. Esta é uma das decisões mais importantes que terá que tomar quando começa o trading de forex. Então, aqui estão alguns fatores importantes a considerar:
1. Regulação
Quando escolhe o Broker com quem irá começar o trading de forex, deverá avaliar, em primeiro lugar, a regulação. O órgão regulador de um corretor determina quão protegido está enquanto investidor!

Agora, quando escolhe um Broker pode parecer muito atrativo negociar com um que lhe ofereça uma alavancagem de 1:1000 para que possa negociar com um investimento mínimo. No entanto, uma grande alavancagem acarreta um risco maior. Embora a recompensa por uma negociação rentável possa ser enorme, o mercado também se poderá movimentar na direção oposta, o que significa que poderá perder uma parte significativa ou até a totalidade do seu investimento inicial.

No entanto, um corretor regulado não pode oferecer uma alavancagem tão elevada aos seus clientes e irá oferecer-lhe uma alavancagem muito mais realística quanto ao rácio adequado de risco/recompensa.

Para além disso, um corretor regulado deverá oferecer, aos seus clientes, uma Proteção de Saldo Negativo. Isto significa que se estiver a negociar e o mercado se movimento de forma desfavorável (ou tenha diferenças) então encontra-se protegido de ter um saldo negativo. Isto garante que nunca perde mais do que o seu investimento original.

Ao trabalhar com um corretor regulado, também estará protegido caso o corretor entre em insolvência. Aos Corretores regulados a lei exige que sejam membros de um Sistema de Compensação dos Serviços Financeiros. Estes mecanismos de compensação têm contribuições do corretor e, caso o corretor entre em falência, irão cobrir o seu depósito até um determinado montante!

Por último, os corretores regulados também protegem, sempre, os seus clientes através de “contas de cliente segregadas”. Estas contas especiais têm os fundos dos Clientes separados dos do corretor, garantindo que o seu corretor não pode utilizar os fundos dos clientes para outras finalidades.
2. Condições de Trading & Tipos de Contas
No processo de escolha de um corretor para começar a negociar em forex, tem que considerar as condições de trading e os tipos de contas que disponibilizam.

Normalmente, os tipos de contas disponíveis dependem do volume que irá negociar. Um lote standard é de 100.000 unidades base, um mini lote é de 10.000 unidades base e um micro lote é de 1.000.

Assim, se decidir começar a negociar em forex em pequena dimensão, o mais adequado para si será algo como a nossa Conta Clássica. Contas de maiores dimensões, como as nossas contas Pro e VIP estão disponíveis, mas são mais adequadas para os traders que negoceiam volumes maiores. Para comparar, poderá consultar o nosso capítulo Contas aqui. Iremos abordar esse tema mais à frente, quando tiver que abrir uma conta.

Após escolher o seu tipo de conta, também deverá analisar as condições de trading que lhe são oferecidas, como os spreads e swaps que estão diretamente relacionados com os seus custos e margem e alavancagem que determinam a forma como irá negociar!

Em primeiro lugar, analisemos os diferentes tipos de spreads disponíveis, que podem ser fixos ou variáveis.

Geralmente, os spreads fixos são disponibilizados pelos corretores definidos como “criadores de mercado”. Em vez de transferirem as suas negociações diretamente para o mercado interbancário, irão correspondê-las a outras negociações, internamente. Isto significa que estão a “criar o mercado”. Por esta razão, oferecem spreads fixos, uma vez que não têm que recorrer ao mercado externo.

De forma inversa, alguns corretores oferecem spreads variáveis, em que as suas negociações são transferidas para um fornecedor de liquidez. Isto significa que irá ter os preços do mercado, com uma “margem comercial” que, geralmente, é onde o corretor irá ter o seu lucro. Estes spreads tendem a ser mais baixos do que aqueles em que iria incorrer com um corretor de “spreads fixos”.

Por isto, os corretores com spreads variáveis dão um incentivo geral para garantir que os seus clientes negoceiam de forma duradoura, para que continuem a ter lucro. Não é do seu interesse que um cliente venha, perca dinheiro e vá embora. Aqui, a longevidade é crucial!

Agora, trabalhar com um corretor que tem spreads variáveis também tem desvantagens. Em períodos de elevada volatilidade de mercado, os spreads podem registar um alargamento, o que é feito para responder ao movimento significativo do mercado que está a ocorrer.
3. Instrumentos de Negociação
Resume-se ao tipo de trader que quer ser e à flexibilidade que precisa. Assim, outros fatores importantes quando seleciona o seu corretor são os instrumentos que oferecem. Alguns corretores apenas disponibilizam o trading nos principais pares forex. Outros poderão ter uma infinidade de classes de ativos diferentes, desde forex às criptomoedas, com metais, ações, índices e obrigações também nesse cesto!

Quando está a tomar este tipo de decisão, é importante ter a sua estratégia de trading definida e bem compreendida para que possa escolher um corretor que lhe dará tudo o que precisa.
4. Suporte ao Trading
Quando estiver pronto para começar a negociar em forex, é muito importante identificar o suporte que lhe é disponibilizado. Terá que pensar que poderá não se encontrar no mesmo país do seu corretor e, por isso, terá que ter acesso à equipa de suporte para o ajudar, no seu idioma nativo. Procure um corretor que lhe disponibiliza, pelo menos, um suporte 24/5 para que, caso tenha algum problema, a equipa esteja pronta para o ajudar.
5. Plataforma de Trading
Como iremos detalhar, mais à frente, para poder ter acesso à negociação de forex, terá que utilizar uma plataforma de trading de Forex! Disponibilizamos, aos nossos clientes, as plataformas, de renome mundial, a MT4 e MT5! Com uma vasta gama de ferramentas disponíveis de forma a melhorar o seu trading, incluindo a possibilidade de personalizar indicadores, gráficos e um sistema de notificação para que não perca nenhuma oportunidade de trading.
6. Conta de Trading
As we briefly discussed earlier, you’ll need a trading account to start forex trading. To open an account with your broker you’ll also need to submit some documentation so that we can verify who you are.

We’ll guide you through the process when you come to the point of opening a live account, but just as an overview, we’ll need an identification document and your proof of address to open your account.

Conforme referimos anteriormente, tem que ter uma conta de trading para começar a negociar em forex. Para abrir uma conta com o seu corretor, também terá que apresentar determinada documentação para que possamos verificar quem é. Iremos guiá-lo neste processo quando tiver que abrir uma conta ao vivo mas, a titulo indicativo, terá que fornecer um documento de identificação e um comprovativo de morada para poder abrir a sua conta.
7. Fundos de Trading
Provavelmente já percebeu que precisa de fazer um investimento para que possa começar a negociar em forex!

Quando tiver aberto a sua conta, terá que fazer um depósito utilizando um dos métodos de depósito que disponibilizamos aos nossos clientes. É importante saber que um bom corretor irá disponibilizar-lhe diversas opções.

Corretores de Forex:
O Que São e Como Funcionam

Todos os dias, são negociados biliões de dólares no Mercado de Forex, o que o torna no maior mercado financeiro em termos de volume negociado. No entanto, costumava só estar disponível aos grandes bancos, instituições financeiras, grandes empresas e hedge funds. Com o desenvolvimento tecnológico, os investidores mais pequenos, como os traders particulares, podem agora aceder a este mercado e tornar-se traders particulares! Isto só foi possível devido à existência de Corretores de Forex.

Como já vimos, uma negociação de forex é, de facto, vender uma moeda e, em simultâneo, comprar outra. Basicamente, o que um corretor de forex faz é ligar os traders a um comprador da moeda que estão a vender e vice-versa. Assim, o que torna a sua negociação possível é o corretor corresponder a sua negociação com outros traders ou transferi-la para o mercado interbancário, onde pode encontrar uma correspondência!

Sem o seu corretor de forex, nunca conseguiria ter acesso ao mercado interbancário, uma vez que precisa de ter muito capital para o fazer. Na verdade, o seu corretor de forex cumpre este requisito de capital, razão pela qual consegue colocar esta negociação, em seu nome.

Graças à alavancagem, onde controla mais fundos do que na realidade investiu, isso permite-lhe executar negociações de maiores dimensões. É o corretor de forex que lhe disponibiliza esta alavancagem: utiliza o seu próprio capital para abrir a negociação, permitindo que possa participar no mercado de forex!

Apps de Trading de Forex, Plataformas e Websites: O Que Precisa de Saber

Neste capítulo iremos abordar os vários softwares que existem para você operar como trader. Em primeiro lugar, iremos analisar algumas apps de trading de forex que estão disponíveis para melhorar o seu trading, depois iremos explorar as plataformas de trading de fx que irá utilizar para negociar e alguns websites de trading de forex úteis para aumentar o seu conhecimento e obter informação sobre dados económicos.

Apps de Trading de Forex

Quando começa a negociar em forex, precisa de ter acesso a notícias de mercado, dados, cotações, gráficos e ter a sua conta disponível nas alturas em que irá negociar. Graças a esta necessidade, foram criadas diversas apps para serem utilizadas no seu dispositivo móvel.

Devido ao facto de o mercado de forex ser excecionalmente volátil e condicionado por eventos, as apps de calendário económico, com notificações push, tornaram-se ferramentas standard para os traders de forex em todo o mundo. Nesta altura, a maioria dos corretores disponibilizam, aos seus clientes, acesso a apps móveis, através das quais os clientes podem aceder às suas contas em qualquer lugar, garantindo que podem aproveitar uma oportunidade ou sair de uma negociação quando necessário.

Uma destas apps de trading de forex mais utilizada é a NetDania. Esta app é muito popular e permite o acesso a taxas interbancárias forex, cotações de preços em tempo real de ações e matérias-primas, com informação sobre mais de 20.000 instrumentos financeiros! Também disponibilizam streaming de gráficos ao vivo e as notícias mais recentes sobre o mercado e, ao mesmo tempo, permitem que os traders de forex definam o preço dos alertas de linhas de tendência para que estejam sempre a par das mudanças do mercado.

Outra app de trading de forex popular é a Trade Interceptor. Disponível para iPhone e Android, oferece uma vasta gama de opções para os traders acederem a ferramentas de análise técnica e indicadores técnicos de gráficos. Terá acesso a preços ao vivo, gráficos e poderá definir alertas para níveis de preços, divulgação de notícias e eventos de calendário económico.
Apps De Trading De Forex, Plataformas E Websites: O Que Precisa De Saber
Apps De Trading De Forex, Plataformas E Websites: O Que Precisa De Saber

Plataformas de Trading de FX

Uma plataforma de trading de FX é uma interface baseado em software, onde os traders de forex podem comprar ou vender moedas online. Podem ser online, móveis ou descarregáveis e têm uma interface onde poderá aceder aos mercados para negociar.

Em algumas situações, estas plataformas de trading de fx podem ter sido desenvolvidas pelo seu corretor, no entanto, a plataforma mais utilizada no trading de forex é a MetaTrader 4, ou MT4. Quase todos os corretores de forex mundiais irão dar-lhe acesso a esta plataforma de trading de forex online e pode ser descarregada em todos os seus dispositivos. Enquanto programa para o Windows, irá funcionar eficazmente em todos os seus dispositivos Android. No entanto, até pode descarregar a MT4 para Mac!

Temos, mesmo, uma seleção de páginas MT4 dedicadas. Assim, para informações mais detalhadas sobre a MT4, deixamos-lhe alguns links úteis:

Websites de Trading de Forex

Como já deve ter percebido, existe uma infinidade de informação sobre trading de forex disponível online. Assim, como pode saber que recursos são confiáveis e úteis para a sua carreira de trading?

Bem, como já referimos, a aprendizagem tem uma importância crucial quando começa a negociar. Por isso, recomendamos websites como o Baby Pips, que tem uma “Escola de Pipsologia” muito abrangente, concebida para o ajudar a aprender a arte do trading de forex.

Outros websites de trading de forex disponíveis são os que lhe dão notícias e atualizações sobre o que está a acontecer no mercado de forex. O nosso blog dá-lhe este tipo de informação, bem como outros sites, como a Bloomberg e a Reuters que têm imensa informação disponível.
Apps De Trading De Forex, Plataformas E Websites: O Que Precisa De Saber

O Mercado de Forex: Horário de Abertura

Quando começa a negociar provavelmente a sua primeira pergunta será “quando é que o mercado de forex está aberto?” Bem, existem 4 sessões de trading diferentes no mercado de forex: Sidnei, Tóquio, Londres e Nova Iorque. Estas sessões individuais significam que o mercado de forex abre na Segunda-feira de manhã e fecha na Sexta-feira à noite!

Consulte a imagem abaixo para saber qual o horário do mercado de FX.
HORA GMT
Note: Trading hours are subject to change without prior notice. Liquidity Providers may adjust trading schedule as necessary, depending on market conditions.
Provavelmente, já verificou que existem sobreposições entre as várias sessões, por exemplo; às 7h00 AM (GMT) tanto a sessão de Tóquio como a de Londres estão abertas. É por isto que o mercado de forex permite, aos traders, negociar durante 24 horas, 5 dias por semana (os mercados fecham durante o fim-de-semana).

O Forex como forma de investimento

Os investidores de hoje têm acesso a uma vasta gama de instrumentos financeiros para que possam diversificar a sua carteira de trading. Desde ações de empresas e de blue chip ao investimento em forex, as oportunidades são ilimitadas. No entanto, como decidir se vai fazer um investimento em forex ou investir noutro lado qualquer?

Bem, alguns fatores importantes a considerar são a sua tolerância ao risco e estilo de trading. Por exemplo, para os traders que procuram fazer investimentos de longo prazo, durante anos, as ações seriam mais adequadas. E os que estão mais interessados em fazer investimentos de curto prazo, com riscos mais elevados, o investimento em forex seria mais indicado.

Aprender o Trading de Forex

Seriamos muito irrealistas se assumíssemos que existe só uma maneira de aprender o trading de forex. No entanto, a maioria das pessoas que começa a sua de aprendizagem de trading, normalmente, utiliza uma das seguintes formas:
Forex
Aprender online, com guias, informação e research
Forex
Aprender com um especialista ou através de cursos online
Forex
Copiar traders de sucesso
Forex
Aprender enquanto opera e com os erros que comete
Comecemos por dizer que não recomendamos o método 4 numa conta ao vivo! Começar a aprender o trading de forex é uma tarefa demorada e, uma vez que arrisca os seus próprios fundos, recomendamos que esteja totalmente preparado antes de começar a negociar. Assim, com isso em mente, vamos analisar os três primeiros métodos para aprender a negociar em forex.

Aprender online sempre foi uma ferramenta útil para os que pretendem aperfeiçoar uma determinada competência, e com as inúmeras informações online, aprender a negociar em forex não é diferente. Quando decide começar a aprender forex, deverá assegurar que está a trabalhar com um corretor que disponibiliza diverso material educativo aos seus clientes. Esta informação pode ser sob a forma de e-books, vídeos educativos, artigos online ou até webinars, onde poderá colocar questões (normalmente no final) de forma a garantir que entendeu totalmente esse tópico.

Este método de aprendizagem permite-lhe fazê-lo ao seu próprio ritmo, aumentar o seu conhecimento em áreas que gostaria de desenvolver e aceder a informação que poderá não estar imediatamente disponível online a qualquer pessoa.
Se procurar um método mais estruturado para aprender o trading de forex, então poderá estar mais inclinado a frequentar um curso online ou trabalhar com um especialista. Um bom corretor também irá oferecer esta opção, uma vez que estão em posição de trabalhar com uma variedade de educadores com conhecimento e experiência para o ajudar a aprofundar a sua compreensão. Por exemplo, a Tickmill oferece, aos seus clientes, a oportunidade de frequentar seminários presenciais, que pode consultar aqui.

Agora, como já deve saber, existem milhões de traders em todo o mundo que já têm o conhecimento necessário e têm experiência no trading de forex. Assim, aqueles que procuram aprender o trading de forex podem copiar traders que já tiveram sucesso. Mais uma vez, a maioria dos corretores oferece esta possibilidade aos seus clientes e, normalmente, tem diversos traders diferentes que se podem copiar. Pode utilizar diversas plataformas para esta finalidade.

Como referido anteriormente, não recomendamos que comece logo a negociar numa conta ao vivo. No entanto, ao utilizar uma conta demo, poderá negociar e aprender sem arriscar o seu capital! Uma conta demo é, tão simplesmente, uma conta junto de um corretor que simula as condições de trading ao vivo. Poderá ver os preços que os corretores oferecem, verificar a rapidez da sua execução e testar, ou melhorar, a sua estratégia, num ambiente totalmente livre de riscos. Recomendamos que se teste, a si próprio, antes de começar a negociar com uma conta ao vivo.

Após decidir qual o método de aprendizagem, é importante então aprender sobre as moedas que vai negociar. Os novos trades tendem a começar logo a negociar muitos instrumentos diferentes sem aprenderem primeiro o que afeta os preços e o mercado.

Compreender como funcionam os instrumentos em que negoceia irá ter um enorme impacto no seu sucesso enquanto trader. Como exemplo, imaginemos que identifica uma moeda em que vê que o preço caiu significativamente nos últimos 3 meses. Utilizando o seu conhecimento sobre análise técnica, identifica que potencialmente irá voltar a subir, então tenta “apanhar o fundo”. No entanto, se tivesse pesquisado um pouco mais sobre a essa moeda, teria visto que os relatórios sobre o emprego do país têm sido maus, há já alguns meses, o que significa que a moeda não deverá ter uma recuperação expressiva. Se não tiver a informação sobre a própria moeda, verá que faz erros de trading que poderiam ter sido evitados com alguma pesquisa!

Por fim, uma das coisas mais importantes a considerar quando se aprende o trading de forex, é a gerir riscos e emoções. Imagine-se a precisar de tomar uma decisão importante em duas situações diferentes:
Forex
Bill - Calmo, relaxado e focado.
Forex
Bob - Irritado, stressado e distraído.
Se for como o Bill, é mais provável que considere todas as opções disponíveis e avalie todos os riscos associados à sua negociação. No entanto, se for como o Bob, é muito mais provável que cometa mais erros que podem ser caros para a sua estratégia e saldo de conta. Faça a gestão das suas emoções… Seja como o Bill. NÃO seja como o Bob!

Para garantir que consegue ser como o Bill, deverá abordar o trading de uma forma lógica, sem grandes entusiamos, medo ou ganância. Se se sentir emocional relativamente ao seu trading: pare, avalie por que razão quer negociar e tente recuperar uma mentalidade objetiva.

Exemplos de Estratégias de Forex

Quando está a chegar ao cerne da questão, que é escolher uma estratégia de trading de Forex, é crucial compreender as melhores formas de escolher uma. Existem três áreas importantes que deve considerar:
Time Frame
É muito importante escolher um time-frame que esteja de acordo com o seu estilo. Por exemplo, para um trader, a diferença entre um gráfico de 15 minutos e um gráfico semanal é enorme! Se for mais do estilo scalper, um trader que ganha com pequenos movimentos do mercado, então deverá procurar prazos entre 1 e 15 minutos.

Em comparação, os traders diários ou swing traders têm maior probabilidade de utilizar um prazo maior, como o gráfico de 4 horas. Por isso, para tomar esta decisão, tem que se perguntar: “durante quanto tempo pretendo manter as minhas negociações em aberto?”
Frequência da Oportunidade de Trading
A próxima pergunta que deverá fazer-se é “quantas vezes é que quero abrir e fechar negociações?” Se pretende abrir um grande número de negociações, então provavelmente o scalping seria o mais adequado para si, onde poderá abrir pequenas negociações com maior frequência.

No entanto, alguns traders irão gastar muito tempo nas suas análises de dados económicos e relatórios macroeconómicos. Isto irá enriquecer a sua abordagem de análise fundamental; no entanto, passarão menos tempo a analisar os gráficos. Se vai assumir esta abordagem, então talvez uma estratégia de trading que utiliza prazos mais longos e posições maiores seja mais adequada para si.
Tamanho da Posição
A última, e discutivelmente a questão mais importante, que irá perguntar-se é “que dimensão é que quero que as minhas negociações tenham?”

Na altura de decidir que estratégia utilizar, terá que ter uma compreensão do risco que pretende assumir quando negoceia. As negociações maiores tendem a implicar riscos maiores e possivelmente perdas maiores. Para garantir que consegue gerir o seu risco eficazmente, terá que decidir qual a dimensão do risco que pretende em cada negociação. Alguns traders tendem a ter um limite de risco de 1% em cada negociação, o que significa que apenas pretendem arriscar até 1% da sua conta numa única negociação.

Por exemplo, tem $10.000 na sua conta. Se decidir impor-se um limite de 1%, então apenas irá abrir negociações de $100 cada vez.

Regra geral, se vai abrir menos negociações, então a dimensão da posição deverá ser maior e vice-versa.

Agora que já sabe como decidir qual a estratégia de trading que gostaria de usar, vamos analisar algumas das estratégias mais usadas.
Day Trade / Intraday
Como o nome indica, o day trade de forex é feito rigorosamente no mesmo dia de negociação. Isto significa que todas as posições que abre irão ser fechadas, antes de o mercado fechar, no final desse mesmo dia. Os prazos que os traders tendem a utilizar irão variar entre um prazo muito curto (minutos) ou algumas horas.

Geralmente, o tipo de traders que realiza o trading diário de forex tendem a focar-se em eventos relacionados com notícias. Por exemplo, irão acompanhar as divulgações económicas, como taxas de juro, divulgações sobre o PIB, próximas eleições e outros eventos que deverão ter um impacto significativo no mercado.

Como regra geral, os que decidem utilizar a estratégia trading diário de forex irão procurar abrir posições quando os preços quebram a 8 period EMA, na mesma direção da tendência. Normalmente a sua saída é decidida com a utilização de um rácio risco/retorno de 1:1.
  • Irá encontrar um número significativo de oportunidades.
  • Ratio de risco/retorno médio.
  • Terá que investir mais tempo nesta estratégia.
  • Terá que aperfeiçoar as suas competências em termos de análise técnica.
Estratégia de Cobertura de Forex
Normalmente, esta estratégia é utilizada em conjunto com outros ativos. Assim, basicamente, um trader utilizaria o forex para cobrir outras posições, noutras classes de ativos ou noutras posições forex.

Existem 2 formas de o fazer.

1. Um trader de forex cria uma “cobertura” em que protege uma posição que já tem vs uma movimentação do mercado indesejada. O que fará é manter uma posição “longa” e “curta”, ao mesmo tempo, utilizando o mesmo par cambial. Também conhecida como a “cobertura perfeita”, este método efetivamente elimina todos os riscos da posição enquanto a cobertura estiver ativa. Assim, quando o mercado começa a movimentar-se numa direção e o trader está seguro de que irá manter essa direção, irá fechar a negociação na direção oposta.

2. Com este método de cobertura de posições de forex, o trader irá criar uma cobertura que o protege, em parte, de movimentos indesejados do mercado. Também conhecida como “cobertura imperfeita”’, este método requer que o trader, que já está “longo” numa negociação de par cambial, compre contratos put option no mesmo instrumento. Isto significa que irá eliminar parte do risco através da utilização desta técnica de cobertura de forex.
Scalping
Designação normalmente utilizada para explicar o processo de realizar pequenos ganhos através da elevada frequência de pequenas negociações, scalping é uma estratégia realizada em prazos muito curtos. Isto pode ser feito manualmente ou através de um programa de algoritmo, como um expert advisor, que o faz automaticamente.

Geralmente, os scalpers operam em períodos entre 1 e 3 minutos. O seu objetivo prioritário é identificar a tendência do mercado utilizando um indicador, como a média móvel. Isto será realizado em prazos mais longos pelo que estão mais confiantes da direção do mercado. Então, o scalper irá criar bandas de suporte e resistência e realizar o scalping dentro dessa banda específica.

Por último, o trader irá então colocar stops a poucos pips de distância para garantir que se conseguem proteger face a movimentações importantes do mercado. Irão fazê-lo muitas vezes para que os pequenos lucros acumulados em cada negociação aumentem ao longo do dia.

O processo que examinámos acima também pode ser totalmente automático, através da utilização de um expert advisor que não só irá retirar o aspeto emocional do trading mas, provavelmente, também com muito maior rapidez. Permitindo, ao scalper, acumular mais lucros durante um curto período de tempo.
  • Terá disponíveis inúmeras oportunidades de trading.
  • Terá que trabalhar muito com análise técnica e aperfeiçoar essas competências.
  • Grande parte deste processo pode ser automatizado, o que significa que terá mais tempo para as suas análises.
  • Terá que investir muito tempo nesta estratégia se o fizer manualmente.
  • Irá ter um rácio de risco/benefício muito mais baixo.
Agora, já vimos algumas estratégias, no entanto, com a quantidade de instrumentos diferentes disponíveis para negociação, diferentes prazos e diferentes estilos, irá ver que existem muitas estratégias de trading diferentes. No gráfico abaixo, poderá ver algumas das que estão disponíveis e ter um melhor entendimento de cada método no nosso blog.
Exemplos De Estratégias De Forex

FAQs: Dá para ganhar dinheiro com o trading de Forex?

Como Brokers (corretora), estamos inclinados a responder a esta pergunta com outra pergunta. Quanto tempo está disposto a dedicar a esta causa? O trading de forex pode ser erradamente retratado como uma maneira fácil de fazer dinheiro. No entanto, isso não pode estar mais longe da verdade. Tal como na maioria dos investimentos, terá que ter um total conhecimento sobre a forma como negociar, o que precisa para negociar e onde o fazer.

Esperamos que o nosso guia lhe tenha dado alguma informação sobre estes assuntos, mas sabemos que no cenário dinâmico do trading de forex, pode sempre melhorar e aprender mais. Assim, se quiser alargar os seus conhecimentos, poderemos sugerir que a dedicação e a aprendizagem serão o caminho mais eficaz para garantir que está ciente de todos os riscos do trading.

Se tiver alguma dúvida, não hesite em contatar-nos e conversar com alguém da nossa equipe!